Dor no pênis: conheça 17 causas

Conteúdo

 

A dor no pênis não é uma ocorrência muito comum, como as dores musculares ou até dores de cabeça, mas, quando acontece pode ter muitas causas que merecem uma atenção especial.

Veja nesse post, 17 causas que provocam esse problema para o público masculino.

Dor no pênis: o que pode ser?

A dor no pênis pode ter inúmeros motivos, que podem estar relacionados a doenças subjacentes. É muito importante que o homem receba informações de qualidade para entender do que se trata esse sintoma, quando buscar um especialista em saúde sexual masculina e como tratar cada caso.

Conheça as principais causas da dor no pênis:

1 – Doença de Peyronie

Essa é uma doença que causa uma inflamação e uma fibrose no pênis, e atinge os homens especialmente após os 40 anos.

Além de o homem perceber que o órgão sexual está ficando torto, um dos sintomas dessa doença é a dor, que pode ser tanto dor no pênis quando fica ereto e durante a relação sexual.

Essa dor interna no pênis ocorre na fase inflamatória (aguda) da doença, pode durar dias, semanas ou até meses.

Além disso, o homem também pode perceber uma diminuição no tamanho, no calibre peniano e até desenvolver disfunção erétil.

É preciso buscar um especialista, porque se essa inflamação na Doença de Peyronie pode ocasionar curvaturas que poderão até inviabilizar a relação sexual.

O tratamento, na fase inicial, pode ser feito com remédios e reabilitação, mas, quando a curvatura está sedimentada, para que o pênis retorne ao normal, é necessária uma cirurgia de correção.

Veja mais sobre tratamento da Doença de Peyronie:

2 – Priapismo

Essa é uma condição na qual o pênis fica ereto por mais de 4 horas seguidas. Por mais que muitos homens acreditem que isso é benéfico, não é, porque essa ereção prolongada pode causar muita dor e até  lesões no tecido peniano. Essa é uma emergência urológica.

Pode ocorrer porque o homem injetou alguma medicação no pênis para provocar a ereção ou porque o homem tem anemia falciforme, usou medicamentos, etc. 

Essa ereção prolongada faz o homem sentir uma dor forte no penis, e precisa ser tratada de forma urgente para não provocar fibroses irreversíveis.

Em um Pronto-Socorro, será realizado um procedimento para drenar esse sangue retido no pênis para reverter  a ereção.

3 – Uretrites

São inflamações que podem provocar dor no canal da uretra. Em geral, quando uma bactéria coloniza esse órgão o homem vai sentir dor no canal do pênis.

Em geral, o homem pode saber que está com uma uretrite quando sente dor no pênis ao urinar, uma certa ardência no canal da urina e até pode sair alguma secreção nesta hora.

O tratamento, em geral, é com antibióticos.

4 – Balanopostite

São inflamações na glande ou na pele do pênis. Podem ser causadas por bactérias ou fungos (mais comumente), dermatite de contato, falta ou excesso de higiene, etc.

Quando ocorre a balanopostite aparecem pequenas fissuras no órgão sexual, e os sintomas podem ser dor e coceira no pênis, ardor, sangramentos e até secreções com cheiro desagradável.

Por isso, quando o pênis fica ereto e na relação sexual, há dor. Além disso, a pele machucada também gera incômodos.

A dor no pênis não é uma ocorrência muito comum, como as dores musculares ou até dores de cabeça, mas, quando acontece pode ter muitas causas que merecem uma atenção especial. Veja nesse post, 17 causas que provocam esse problema para o público masculino. Dor no pênis: o que pode ser? A dor no pênis pode ter inúmeros motivos, que podem estar relacionados a doenças subjacentes. É muito importante que o homem receba informações de qualidade para entender do que se trata esse sintoma, quando buscar um especialista em saúde sexual masculina e como tratar cada caso. Conheça as principais causas da dor no pênis: 1 - Doença de Peyronie Essa é uma doença que causa uma inflamação e uma fibrose no pênis, e atinge os homens especialmente após os 40 anos. Além de o homem perceber que o órgão sexual está ficando torto, um dos sintomas dessa doença é a dor, que pode ser tanto dor no pênis quando fica ereto e durante a relação sexual. Essa dor interna no pênis ocorre na fase inflamatória (aguda) da doença, pode durar dias, semanas ou até meses. Além disso, o homem também pode perceber uma diminuição no tamanho, no calibre peniano e até desenvolver disfunção erétil. É preciso buscar um especialista, porque se essa inflamação na Doença de Peyronie pode ocasionar curvaturas que poderão até inviabilizar a relação sexual. O tratamento, na fase inicial, pode ser feito com remédios e reabilitação, mas, quando a curvatura está sedimentada, para que o pênis retorne ao normal, é necessária uma cirurgia de correção. 2 - Priapismo Essa é uma condição na qual o pênis fica ereto por mais de 4 horas seguidas. Por mais que muitos homens acreditem que isso é benéfico, não é, porque essa ereção prolongada pode causar muita dor e até lesões no tecido peniano. Essa é uma emergência urológica. Pode ocorrer porque o homem injetou alguma medicação no pênis para provocar a ereção ou porque o homem tem anemia falciforme, usou medicamentos, etc. Essa ereção prolongada faz o homem sentir uma dor forte no penis, e precisa ser tratada de forma urgente para não provocar fibroses irreversíveis. Em um Pronto-Socorro, será realizado um procedimento para drenar esse sangue retido no pênis para reverter a ereção. 3 - Uretrites São inflamações que podem provocar dor no canal da uretra. Em geral, quando uma bactéria coloniza esse órgão o homem vai sentir dor no canal do pênis. Em geral, o homem pode saber que está com uma uretrite quando sente dor no pênis ao urinar, uma certa ardência no canal da urina e até pode sair alguma secreção nesta hora. O tratamento, em geral, é com antibióticos. 4 - Balanopostite São inflamações na glande ou na pele do pênis. Podem ser causadas por bactérias ou fungos (mais comumente), dermatite de contato, falta ou excesso de higiene, etc. Quando ocorre a balanopostite aparecem pequenas fissuras no órgão sexual, e os sintomas podem ser dor e coceira no pênis, ardor, sangramentos e até secreções com cheiro desagradável. Por isso, quando o pênis fica ereto e na relação sexual, há dor. Além disso, a pele machucada também gera incômodos. 5 - Cálculo uretral Quando o homem está com cálculo renal já sente dores terríveis devido ao deslocamento da pedra nos rins em direção à uretra. Porém, nessa saída, o cálculo uretral pode obstruir o canal da urina, o que vai gerar uma dor forte no pênis. Neste processo, a pedra também pode machucar as estruturas do ureter. É preciso buscar ajuda médica para receber remédio para dor no pênis ou até procedimentos cirúrgicos para desobstrução da uretra. 6 - Trauma peniano Quando o pênis sofre um trauma, seja por um chute, esbarrão, acidentes ou até mesmo durante uma “dobra” durante a relação sexual, ocorre uma dor no corpo do pênis muito forte. Nesses traumas, em geral, durante uma estocada forte na relação sexual, o pênis pode até ser fraturado, o que é um caso de urgência médica também. Quando isso ocorre o órgão incha muito na hora e perde a ereção, e deve ser tratado o mais rápido possível por um especialista, porque essa também é uma predisposição para o surgimento da doença de Peyronie. 7 - Trombose da veia dorsal do pênis Outra causa de dor no pênis é a trombose que ocorre na veia dorsal do pênis, também conhecida como Doença de Mondor. É caracterizada por um endurecimento na veia dorsal do pênis e pode causar processos inflamatórios também. As causas para deflagrar esse problema podem ser traumas provocados por relações sexuais, estrangulamento peniano por vários mecanismos, injeção para ereção, neoplasias e cirurgias. O tratamento pode ser realizado com medicamentos anti-inflamatórios, e também pode haver abordagens cirúrgicas quando o paciente não responde bem à medicação. 8 - Trombose do pênis De forma bastante rara também pode ocorrer a trombose do corpo cavernoso do pênis, em geral, em homens mais jovens, na faixa dos 30 anos. Também é conhecida como priapismo parcial. Além de dor no pênis, o homem pode suspeitar do problema se perceber uma massa perineal palpável. A principal complicação desse problema é a disfunção erétil. Em geral, o tratamento é com anticoagulantes, anti-inflamatórios e a cirurgia pode ser necessária. 9 - Linfangite esclerosante Essa causa de dor no pênis não é tão comum, ocorre porque os vasos linfáticos penianos, que levam a substância conhecida como linfa, podem inflamar. Vai se manifestar como um cordão que fica próximo à glande, embaixo do sulco coronal. Por isso, pode até provocar uma dor no freio do pênis. Em geral, o diagnóstico é difícil e deve ser realizado por um especialista que está familiarizado com patologias do pênis. É necessário um bom acompanhamento médico e o tratamento pode ser um tanto longo, mas há cura. 10 - Câncer de pênis O câncer de pênis é um tumor raro, que não costuma provocar dor, mas quando isso acontece é porque já está em um estágio avançado, se infiltrando em terminações nervosas. O homem pode perceber o problema quando percebe uma ferida persistente, localizada na glande, prepúcio ou no corpo do pênis. Situações que vão aumentar o risco do câncer são má higiene íntima, estreitamento do prepúcio e infecção pelo vírus HPV. Realizar a cirurgia de fimose e uso de preservativos em relações sexuais são formas de prevenção ao problema. O tratamento pode ser realizado com cirurgia, radioterapia ou quimioterapia. 11 - Fimose ou parafimose Se o homem tem dificuldade de expor a glande quando o prepúcio é tracionado, essa condição se chama fimose e, com isso, ele poderá ter dor no pênis. Em homens adultos, essa condição pode provocar problemas no desempenho sexual e até câncer de pênis. O tratamento é realizado com cirurgia, que vai trazer benefícios, como permitir uma melhor higienização do pênis, diminuir as chances de contrair uma DST nas relações sexuais e evitar quadros de infecções fúngicas. 12 - Pós-operatório Os pós-operatórios de cirurgia de fimose, implante de prótese peniana, correção da Doença de Peyronie, entre outras cirurgias, podem provocar uma dor aguda no pênis. Existem também casos raros de pacientes que ficam com dores crônicas no pênis, por exemplo, depois de fazer uma cirurgia de fimose ainda criança. 13 - Doença Sexualmente Transmissível A DSTs, como a herpes genital, também podem provocar dor no pênis. Em geral, essa doença pode iniciar a sua ação com a manifestação de dor, um certo pinicamento na região e depois surgem pequenas bolhas. Já a gonorreia ou infecção por clamídia podem apresentar dor e ardência no pênis ao urinar, e também a eliminação de secreções pelo órgão sexual. Existem tratamentos contínuos para evitar essas crises provocadas pelas DSTs. 14 - Prostatites A prostatite é um dos motivos para que um homem tenha dor no pênis. O tipo mais comum de prostatite e que causa dores contínuas no pênis é a Síndrome Pélvica Perineal Dolorosa, que é uma inflamação crônica. Essa síndrome pode provocar dor no tronco do pênis, nos testículos e até no espaço entre o ânus e os testículos. Esse problema pode levar à ejaculação precoce, disfunções urinárias, dor no pênis após ejacular e impotência sexual. Todos esses sintomas afetam a qualidade de vida e podem provocar grandes problemas emocionais nos homens, por isso, necessita de um tratamento multidisciplinar, com fisioterapeutas, psicólogos, psiquiatra e andrologista. 15 - Causas psicossomáticas Muitas vezes, a dor no pênis pode ter causas psicossomáticas. Por exemplo, um homem pode ter uma dor no pênis ou uretra quando tem uma ansiedade moral, por ter vivido uma relação extraconjugal, entre outros exemplos. 16 - Uso excessivo de extensor peniano e bomba de vácuo Se o homem fizer o uso inadequado desses dispositivos que servem para reabilitação peniana para alongar o pênis e melhorar a ereção, ele poderá sofrer uma dor fina no pênis, por esticá-lo excessivamente e continuamente. Para usar esses recursos, o homem precisa contar com a orientação e acompanhamento de um especialista, e deverá fazer o alongamento do pênis no limite permitido, mais do que isso vai gerar dor e pode até lesionar o órgão. 17 - Excesso de masturbação Em geral, esse problema ocorre na fase da adolescência, quando os hormônios estão a todo vapor e os garotos acabam praticando a masturbação de forma excessiva, às vezes, até mais que 5 vezes ao dia. Esse adolescente poderá ter episódios de dor no pênis após ejaculação excessiva, por estar estimulando demais o órgão. É interessante analisar que a dor pode ser um sinal de alerta que ele está passando dos limites e precisa dar um “descanso” ao órgão sexual. Conclusão Agora que sabe as principais causas que podem levar à dor no órgão sexual, é importante ficar alerta à própria saúde. Então, não deixe de buscar um especialista em saúde sexual masculina para receber todas as orientações sobre esse tipo de problema, descartar causas mais graves ou tratar o que for necessário.

5 – Cálculo uretral

Quando o homem está com cálculo renal já sente dores terríveis devido ao deslocamento da pedra nos rins em direção à uretra.

Porém, nessa saída, o cálculo uretral pode obstruir o canal da urina, o que vai gerar uma dor forte no pênis. Neste processo, a pedra também pode machucar as estruturas do ureter.

É preciso buscar ajuda médica para receber remédio para dor no pênis ou até procedimentos cirúrgicos para desobstrução da uretra.

6 – Trauma peniano

Quando o pênis sofre um trauma, seja por um chute, esbarrão, acidentes ou até mesmo durante uma “dobra” durante a relação sexual, ocorre uma dor no corpo do pênis muito forte.

Nesses traumas, em geral, durante uma estocada forte na relação sexual, o pênis pode até ser fraturado, o que é um caso de urgência médica também.

Quando isso ocorre o órgão incha muito na hora e perde a ereção, e deve ser tratado o mais rápido possível por um especialista, porque essa também é uma predisposição para o surgimento da doença de Peyronie.

Veja mais sobre fratura e lesões penianas neste vídeo:

7 – Trombose da veia dorsal do pênis

Outra causa de dor no pênis é a trombose que ocorre na veia dorsal do pênis, também conhecida como Doença de Mondor.

É caracterizada por um endurecimento na veia dorsal do pênis e pode causar processos inflamatórios também. 

As causas para deflagrar esse problema podem ser traumas provocados por relações sexuais, estrangulamento peniano por vários mecanismos, injeção para ereção, neoplasias e cirurgias.

O tratamento pode ser realizado com medicamentos anti-inflamatórios, e também pode haver abordagens cirúrgicas quando o paciente não responde bem à medicação.

8 – Trombose do pênis

De forma bastante rara também pode ocorrer a trombose do corpo cavernoso do pênis, em geral, em homens mais jovens, na faixa dos 30 anos. Também é conhecida como priapismo parcial. 

Além de dor no pênis, o homem pode suspeitar do problema se perceber uma massa perineal palpável. A principal complicação desse problema é a disfunção erétil. 

Em geral, o tratamento é com anticoagulantes, anti-inflamatórios e a cirurgia pode ser necessária. 

Ebook Disfunção erétil

9 – Linfangite esclerosante

Essa causa de dor no pênis não é tão comum, ocorre porque os vasos linfáticos penianos, que levam a substância conhecida como linfa, podem inflamar. 

Vai se manifestar como um cordão que fica próximo à glande, embaixo do sulco coronal. Por isso, pode até provocar uma dor no freio do pênis.

Em geral, o diagnóstico é difícil e deve ser realizado por um especialista que está familiarizado com patologias do pênis.

É necessário um bom acompanhamento médico e o tratamento pode ser um tanto longo, mas há cura.

10 – Câncer de pênis

O câncer de pênis é um tumor raro, que não costuma provocar dor, mas quando isso acontece é porque já está em um estágio avançado, se infiltrando em terminações nervosas.

O homem pode perceber o problema quando percebe uma ferida persistente, localizada na glande, prepúcio ou no corpo do pênis.

Situações que vão aumentar o risco do câncer são má higiene íntima, estreitamento do prepúcio e infecção pelo vírus HPV.

Realizar a cirurgia de fimose e uso de preservativos em relações sexuais são formas de prevenção ao problema. 

O tratamento pode ser realizado com cirurgia, radioterapia ou quimioterapia.

11 – Fimose ou parafimose

Se o homem tem dificuldade de expor a glande quando o prepúcio é tracionado, essa condição se chama fimose e, com isso, ele poderá ter dor no pênis.

Em homens adultos, essa condição pode provocar problemas no desempenho sexual e até câncer de pênis.

O tratamento é realizado com cirurgia, que vai trazer benefícios, como permitir uma melhor higienização do pênis, diminuir as chances de contrair uma DST nas relações sexuais e evitar quadros de infecções fúngicas.

12 – Pós-operatório

Os pós-operatórios de cirurgia de fimose, implante de prótese peniana, correção da Doença de Peyronie, entre outras cirurgias, podem provocar uma dor aguda no pênis.

Existem também casos raros de pacientes que ficam com dores crônicas no pênis, por exemplo, depois de fazer uma cirurgia de fimose ainda criança.

13 – Doença Sexualmente Transmissível

A DSTs, como a herpes genital, também podem provocar dor no pênis. Em geral, essa doença pode iniciar a sua ação com a manifestação de dor, um certo pinicamento na região e depois surgem pequenas bolhas.

Já a gonorreia ou infecção por clamídia podem apresentar dor e ardência no pênis ao urinar, e também a eliminação de secreções pelo órgão sexual.

Existem tratamentos contínuos para evitar essas crises provocadas pelas DSTs.

14 – Prostatites

A prostatite é um dos motivos para que um homem tenha dor no pênis.

O tipo mais comum de prostatite e que causa dores contínuas no pênis é a Síndrome Pélvica Perineal Dolorosa, que é uma inflamação crônica.

Essa síndrome pode provocar dor no tronco do pênis, nos testículos e até no espaço entre o ânus e os testículos. Esse problema pode levar à ejaculação precoce, disfunções urinárias, dor no pênis após ejacular e impotência sexual.

Todos esses sintomas afetam a qualidade de vida e podem provocar grandes problemas emocionais nos homens, por isso, necessita de um tratamento multidisciplinar, com fisioterapeutas, psicólogos, psiquiatra e andrologista.

Veja mais nesse vídeo sobre ejaculação precoce:

15 – Causas psicossomáticas

Muitas vezes, a dor no pênis pode ter causas psicossomáticas. Por exemplo, um homem pode ter uma dor no pênis ou uretra quando tem uma ansiedade moral, por ter vivido uma relação extraconjugal, entre outros exemplos. 

16 – Uso excessivo de extensor peniano e bomba de vácuo

Se o homem fizer o uso inadequado desses dispositivos que servem para reabilitação peniana para alongar o pênis e melhorar a ereção, ele poderá sofrer uma dor fina no pênis, por esticá-lo excessivamente e continuamente.

Para usar esses recursos, o homem precisa contar com a orientação e acompanhamento de um especialista, e deverá fazer o alongamento do pênis no limite permitido, mais do que isso vai gerar dor e pode até lesionar o órgão.

17 – Excesso de masturbação

Em geral, esse problema ocorre na fase da adolescência, quando os hormônios estão a todo vapor e os garotos acabam praticando a masturbação de forma excessiva, às vezes, até mais que 5 vezes ao dia.

Esse adolescente poderá ter episódios de dor no pênis após ejaculação excessiva, por estar estimulando demais o órgão.

É interessante analisar que a dor pode ser um sinal de alerta que ele está passando dos limites e precisa dar um “descanso” ao órgão sexual.

Conclusão 

Agora que sabe as principais causas que podem levar à dor no órgão sexual, é importante ficar alerta à própria saúde.

Então, não deixe de buscar um especialista em saúde sexual masculina para receber todas as orientações sobre esse tipo de problema, descartar causas mais graves ou tratar o que for necessário.

Home – Marco Túlio

Dr. Marco Túlio Cavalcanti Urologista e Andrologista. Disfunção Erétil e Impotência sexual: dê fim a esse tormento. Prótese do Pênis: a retomada da sua vida sexual. Doença Peyronie: correção da curvatura, recuperação do tamanho e calibre do pênis. Reposição Hormonal: retome o seu desempenho.

Instagram: @dr.mtcavalcanti

Youtube: Dr. Marco Túlio Cavalcanti

www.drmarcotuliourologista.com.br

Leia também

Disfunção sexual: quais os principais problemas dos homens?

Disfunção sexual: quais os principais problemas dos homens?

Os homens podem passar por inúmeras disfunções sexuais que colocam em risco a satisfação plena neste campo. Leia esse texto…
Dor no pênis: conheça 17 causas

Dor no pênis: conheça 17 causas

  A dor no pênis não é uma ocorrência muito comum, como as dores musculares ou até dores de cabeça,…
Infertilidade masculina: reposição hormonal pode influenciar?

Infertilidade masculina: reposição hormonal pode influenciar?

São muitas as razões que levam um homem a sofrer um declínio de testosterona e começar uma reposição hormonal, mas…
Translate »