Pênis sensível: 4 motivos que levam a esse desconforto

Conteúdo

Sentir o pênis sensível em algumas situações é normal, porém, certas condições vão potencializar muito essa sensibilidade e será mais do que necessário buscar ajuda de um especialista porque pode afetar a vida sexual. Entenda o que pode ser essa sensibilidade e o que fazer em determinados casos. Qual a parte mais sensível do pênis? A glande é a parte mais sensível do órgão sexual masculino, porque é repleta de terminações nervosas. Assim, até mesmo uma relação sexual pode deixar o pênis muito sensível. Essa queixa acaba sendo uma das principais nos consultórios dos urologistas. Porém, existem algumas condições e até problemas de saúde nas quais essa fragilidade acaba sendo sentido em todo o órgão. Essa sensibilidade no pênis tanto pode ser no sentido de provocar uma excitação sexual ou mesmo estar relacionado à dor e desconforto. No primeiro caso, o homem pode até desenvolver uma ejaculação precoce. Essa é uma condição bastante comum entre a população masculina. De acordo com dados da Sociedade Brasileira de Urologia, 1 a cada 4 homens vão sofrer com a condição. No segundo caso, o pênis muito sensível e que não suporta o toque precisa de uma investigação médica, não só porque acaba sofrendo muitos prejuízos em sua vida sexual, mas também para avaliar se há alguma doença associada. O que torna o pênis sensível? Quando um homem sofre com essa sensibilidade, tanto nos momentos de micção ou na relação sexual, é mais do que necessário buscar entender porque essa situação ocorre com ele. A sensibilidade do pênis pode ser fruto de condições subjacentes, que podem ser tratadas, como: Traumas no pênis Lesões por um sexo mais vigoroso, masturbação ou até mesmo traumas ocasionados durante o esporte podem deixar o órgão dolorido. Além do pênis avermelhado e sensível, essas lesões podem provocar também um inchaço local. Em alguns casos isso ocorre devido a uma fratura de pênis, quando o órgão sofre um rasgo na túnica albugínea e o homem até pode ouvir um estalo no momento do trauma. Quando o pênis está vermelho e sensível devido a uma pancada direta, também pode ficar difícil ter uma ereção ou urinar. Balanite A balanite é uma infecção que torna a cabeça do pênis sensível. É mais comum em homens que não fizeram a retirada do prepúcio (postectomia). Entre os sintomas mais comuns desse problema, além da sensibilidade e dor peniana, também ocorre uma vermelhidão e uma secreção malcheirosa embaixo do prepúcio. Infecções urinárias As infecções urinárias podem deixar o pênis muito sensível tanto na hora de urinar quanto na hora de ejacular, porque a uretra está inflamada. As infecções urinárias podem ser mais comuns em homens que foram circuncidados. Fimose Em homens que não foram circuncidados, a fimose é uma condição que pode resultar em um pênis sensível, porque não há uma exposição da glande. Nestes casos, o prepúcio (prega que recobre a glande) é muito apertado e acaba tornando a área mais sensível e dolorida com a fricção extra. Normalmente, as crianças nascem com fimose ou excesso de prepúcio e o problema pode ser corrigido ainda na infância. Já os adultos podem desenvolver essa condição devido a uma sequela de problemas inflamatórios crônicos, que podem ter sido gerados por doenças como a diabetes ou pela cicatrização de pancadas diretas no pênis. A partir disso, eles irão sentir a glande do pênis sensível. Como identificar a causa da sensibilidade do pênis? A primeira iniciativa do médico para diagnosticar o pênis sensível é fazer uma anamnese aprofundada, ouvindo o relato do paciente sobre quando o problema teve início, para entender se é fruto de um trauma, inflamação, etc. Também serão realizados exames clínicos para que o médico consiga analisar se existe uma fimose. O médico poderá solicitar um ultrassom peniano para identificar se houve um rasgo na túnica albugínea ou uma ressonância para aprofundar o diagnóstico. Outro exame que poderá ser solicitado é uma uretrocistografia, quando há suspeita de lesão uretral. Como deixar o pênis menos sensível? Seja porque tem a pele do pênis sensível ou cabeça do pênis muito sensível, o tratamento vai depender da causa subjacente. Se a questão estiver relacionada às infecções urinárias ou mesmo à balanite, uma abordagem medicamentosa antibiótica irá tratar esse desconforto. Já se o pênis sensível estiver relacionado aos traumas, à medida que a lesão se cicatriza, a sensibilidade tende a desaparecer e o médico pode prescrever analgésicos. Porém, em alguns casos, se houver rasgo da túnica albugínea, pode ser necessária uma cirurgia reconstrutiva. Para fimose, os médicos podem orientar sobre como deixar o pênis menos sensível, por exemplo, permitindo que a glande fique mais exposta, quando essa região fica mais espessa, as queixas de sensibilidade são menores. Além disso, para a fimose também pode ser prescrito o uso de pomada para pênis sensível (cremes esteroides), que vão ajudar a esticar o prepúcio além da glande ou até mesmo propor uma incisão para alargar o prepúcio. O importante é que o homem não retarde a sua busca para minimizar esses desconfortos provocados pelo pênis sensível, porque há tratamentos que vão ajudá-los nesta questão.

Sentir o pênis sensível em algumas situações é normal, porém, certas condições vão potencializar muito essa sensibilidade e será mais do que necessário buscar  ajuda de um especialista porque pode afetar a vida sexual.

Entenda o que pode ser essa sensibilidade e o que fazer em determinados casos.

Qual a parte mais sensível do pênis?

A glande é a parte mais sensível do órgão sexual masculino, porque é repleta de terminações nervosas. Assim, até mesmo uma relação sexual pode deixar o pênis muito sensível. Essa queixa acaba sendo uma das principais nos consultórios dos urologistas.

Porém, existem algumas condições e até problemas de saúde nas quais essa fragilidade acaba sendo sentido em todo o órgão.

Essa sensibilidade no pênis tanto pode ser no sentido de provocar uma excitação sexual ou mesmo estar relacionado à dor e desconforto. 

No primeiro caso, o homem pode até desenvolver uma ejaculação precoce. Essa é uma condição bastante comum entre a população masculina.  De acordo com dados da Sociedade Brasileira de Urologia, 1 a cada 4 homens vão sofrer com a condição.

No segundo caso, o pênis muito sensível e que não suporta o toque precisa de uma investigação médica, não só porque acaba sofrendo muitos prejuízos em sua vida sexual, mas também para avaliar se há alguma doença associada.

O que torna o pênis sensível?

Quando um homem sofre com essa sensibilidade, tanto nos momentos de micção ou na relação sexual, é mais do que necessário buscar entender porque essa situação ocorre com ele.

A sensibilidade do pênis pode ser fruto de condições subjacentes, que podem ser tratadas, como:

Causas que tornam o pênis sensível Traumas no pênis  Lesões por um sexo mais vigoroso, masturbação ou até mesmo traumas ocasionados durante o esporte podem deixar o órgão dolorido. Balanite A balanite é uma infecção que torna a cabeça do pênis sensível. É mais comum em homens que não fizeram a retirada do prepúcio (postectomia). Infecções urinárias As infecções urinárias podem deixar o pênis muito sensível tanto na hora de urinar quanto na hora de ejacular, porque a uretra está inflamada.  Fimose Em homens que não foram circuncidados, a fimose é uma condição que pode resultar em um pênis sensível, porque não há uma exposição da glande.

Traumas no pênis 

Lesões por um sexo mais vigoroso, masturbação ou até mesmo traumas ocasionados durante o esporte podem deixar o órgão dolorido.

Além do pênis avermelhado e sensível, essas lesões podem provocar também um inchaço local. Em alguns casos isso ocorre devido a uma fratura de pênis, quando o órgão sofre um rasgo na túnica albugínea e o homem até pode ouvir um estalo no momento do trauma. 

Quando o pênis está vermelho e sensível devido a uma pancada direta, também pode ficar difícil ter uma ereção ou urinar.

Balanite

A balanite é uma infecção que torna a cabeça do pênis sensível. É mais comum em homens que não fizeram a retirada do prepúcio (postectomia).

Entre os sintomas mais comuns desse problema, além da sensibilidade e dor peniana, também ocorre uma vermelhidão e uma secreção malcheirosa embaixo do prepúcio.

Infecções urinárias

As infecções urinárias podem deixar o pênis muito sensível tanto na hora de urinar quanto na hora de ejacular, porque a uretra está inflamada. 

As infecções urinárias podem ser mais comuns em homens que foram circuncidados.

Fimose

Em homens que não foram circuncidados, a fimose é uma condição que pode resultar em um pênis sensível, porque não há uma exposição da glande. Nestes casos, o prepúcio (prega que recobre a glande) é muito apertado e acaba tornando a área mais sensível e dolorida com a fricção extra.

Normalmente, as crianças nascem com fimose ou excesso de prepúcio e o problema pode ser corrigido ainda na infância. Já os adultos podem desenvolver essa condição devido a uma sequela de problemas inflamatórios crônicos, que podem ter sido gerados por doenças como a diabetes ou pela cicatrização de pancadas diretas no pênis.

A partir disso, eles irão sentir a glande do pênis sensível. 

Leia mais sobre:

Como identificar a causa da sensibilidade do pênis?

A primeira iniciativa do médico para diagnosticar o pênis sensível é fazer uma anamnese aprofundada, ouvindo o relato do paciente sobre quando o problema teve início, para entender se é fruto de um trauma, inflamação, etc.

Também serão realizados exames clínicos para que o médico consiga analisar se existe uma fimose.

O médico poderá solicitar um ultrassom peniano para identificar se houve um rasgo na túnica albugínea  ou uma ressonância para aprofundar o diagnóstico.

Outro exame que poderá ser solicitado é uma uretrocistografia, quando há suspeita de lesão uretral. 

ebook disfunção erétil

Como deixar o pênis menos sensível?

Seja porque tem a pele do pênis sensível  ou cabeça do pênis muito sensível, o tratamento vai depender da causa subjacente.

Se a questão estiver relacionada às infecções urinárias ou mesmo à balanite, uma abordagem medicamentosa antibiótica irá tratar esse desconforto. 

Já se o pênis sensível estiver relacionado aos traumas, à medida que a lesão se cicatriza, a sensibilidade tende a desaparecer e o médico pode prescrever analgésicos.  Porém, em alguns casos, se houver rasgo da túnica albugínea, pode ser necessária uma cirurgia reconstrutiva.

Para fimose, os médicos podem orientar sobre como deixar o pênis menos sensível, por exemplo, permitindo que a glande fique mais exposta, quando essa região fica mais espessa, as queixas de sensibilidade são menores.

Além disso, para a fimose também pode ser prescrito o uso de pomada para pênis sensível (cremes esteroides), que vão ajudar a esticar o prepúcio além da glande ou até mesmo propor uma incisão para alargar o prepúcio.

O importante é que o homem não retarde a sua busca para minimizar esses desconfortos provocados pelo pênis sensível, porque há tratamentos que vão ajudá-los nesta questão.

Home – Marco Túlio

Dr. Marco Túlio Cavalcanti Urologista e Andrologista. Disfunção Erétil e Impotência sexual: dê fim a esse tormento. Prótese do Pênis: a retomada da sua vida sexual. Doença Peyronie: correção da curvatura, recuperação do tamanho e calibre do pênis. Reposição Hormonal: retome o seu desempenho.

Instagram: @dr.mtcavalcanti

Youtube: Dr. Marco Túlio Cavalcanti

www.drmarcotuliourologista.com.br

Leia também

Pênis inchado: pode ser alguma doença?

Pênis inchado: pode ser alguma doença?

Um pênis inchado pode ser sinal de infecções, inflamações e até traumas, pode trazer dor e muito desconforto. Veja nesse…
Varizes no pênis: isso realmente existe?

Varizes no pênis: isso realmente existe?

Muitos homens percebem que têm veias saltadas no órgão sexual e imaginam que estão com varizes no pênis. Nem sempre…
Pênis sensível: 4 motivos que levam a esse desconforto

Pênis sensível: 4 motivos que levam a esse desconforto

Sentir o pênis sensível em algumas situações é normal, porém, certas condições vão potencializar muito essa sensibilidade e será mais…
Translate »